sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Assaltante tenta fugir a nado pelo rio Paraguai


Paula Navarro - Dois suspeitos de assalto foram presos na manhã desta sexta-feira (12). O caso, que teve início no centro da cidade, terminou no Porto Geral de Corumbá. De acordo com testemunhas, um dos suspeitos estava armado. Ele e seu comparsa teriam roubado um telefone celular de uma mulher que tinha acabado de comprar o aparelho. 

A perseguição desceu para o Porto onde um dos assaltantes foi preso ainda no calçadão. O outro pulou no rio Paraguai onde provavelmente jogou a arma.
Ele tentava atravessar o rio a nado para se refugiar no mato, do outro lado da cidade. A PM conseguiu um barco e foi atrás do fugitivo que foi capturado e trazido para a prainha do Porto. A dupla foi levada para a Delegacia de Polícia Civil.                                                                                                                                   

                                                                                       Fotos: José Luiz

2016 - Quem será o prefeito de Corumbá?



André Navarro - Pela ordem natural das coisas, em 2016, o prefeito de Corumbá, Paulo Duarte (PT), se reelegeria para continuar na chefia do executivo. Entretanto, a derrocada petista que ocorreu este ano sem que Corumbá elegesse sequer um deputado estadual ou federal e ainda, a derrota do senador Delcídio do Amaral (PT), para o tucano Reinaldo Azambuja (PSDB), que comandará Mato Grosso do Sul a partir do ano que vem, abriu brecha para que os adversários possam pelo menos sonhar em conquistar a prefeitura de Corumbá.

As eleições parecem estar longe, mas os políticos já estão fazendo as suas conjecturas, abrindo diálogos e dando início às formações de blocos que determinarão a chamada "dança dos partidos" que têm que acontecer até o início de outubro do ano que vem. A saída do ex-prefeito Ruiter Cunha de Oliveira do PT, é a movimentação mais comentada, embora ele, Ruiter, não confirme sua mudança de sigla e um possível embate com Duarte, de quem foi companheiro e com quem teria rompido logo após as eleições deste ano.

Por seu lado, Marcelo Iunes, vereador e atual presidente da Câmara Municipal de Corumbá, que obteve ma expressiva votação de quase dez mil votos na região para deputado estadual, deve se solidificar no PDT. Iunes também não confirma ainda, mas é um dos prováveis na corrida pela vaga de Duarte.

Já o prefeito Paulo Duarte, que teria afirmado que poderá se afastar da presidência do PT de Mato Grosso do Sul, para cuidar de Corumbá, deu mostras de que poderá determinar uma grande virada nos dois últimos anos de se mandato, já que está com a popularidade em baixa e precisa empreender para reverter o quadro. É claro que, quem comanda a máquina, sempre tem uma grande vantagem, mas é preciso se popularizar para garantir essa vantagem.

Vem de lá, de comentários congressianos, que, se a coisa ficar realmente complicada e existir a possibilidade de o PT perder a liderança da Prefeitura de Corumbá, até mesmo o senador Delcídio do Amaral poderia se candidatar e garantir a permanência de seu partido frente à uma das cidades mais importantes do Estado.

Mas, até agora e, até mesmo porque não houve tempo hábil para isso, o PSDB está na moita. O governador eleito Reinaldo Azambuja disse que gostaria de ter aqui um prefeito tucano e que vai trabalhar para isso. Nenhum nome foi ventilado ainda no partido, embora o vereador Antônio César Sabatel, mais votado em 2012 para o legislativo corumbaense,  tenha tido cerca de dez mil votos como candidato a deputado federal.

Ainda tem muita água para rolar debaixo da ponte, mas ao que tudo indica, em 2016 as eleições serão disputadíssimas em Corumbá. E apesar de parecer ao contrário, 2015 será o ano das grandes definições. Em 2016, todos já estarão acomodados e só aguardando as convenções para dar início à campanha eleitoral, que não será de copa do mundo, mas de olimpíadas e, o significado de olimpíada é bem claro, inclusive para os políticos.      


terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Duarte deve a nunciar hoje, mudanças na equipe de governo



                                               Foto: www.corumba.ms.gov.br
Em encontro do PT, prefeito admitiu estar enfrentando problemas

André Navarro - O prefeito de Corumbá, Paulo Duarte (PT), deve mexer em sua equipe de governo. As adequações serão anunciadas daqui a pouco no Centro de Convenções do Pantanal, onde também está sendo feita a premiação das Olimpíadas de Matemática. Ainda não existem cogitações sobre a troca do secretariado, mas, ao que se sabe, Paulo Duarte não está nem um pouco satisfeito com o desempenho de sua administração que está chegando ao final do segundo ano. 

No fim de semana Paulo Duarte admitiu, em feijoada realizada pelo seu partido em Campo Grande, estar enfrentando problemas em Corumbá. Por esse motivo disse que não teria como preparar as eleições de 2016 e, por isso, estaria entregando o comando do PT de Mato Grosso do Sul.

Até o final da manhã as mudanças administrativas serão conhecidas. Existem muitos problemas e insatisfação na cidade o que está provocando as atitudes do executivo. Uma virada na mesa agora pode determinar inclusive a possibilidade de reeleição do atual prefeito que terá muitos adversários para enfrentar em 2016.  



quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Decreto que derruba a lei de pesca passa a valer hoje



Do Campo Grande News - A Lei da Pesca foi considerada inconstitucional pelo Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, em resposta a ADI (Ação Direta de Inconstitucionalidade) proposta pela OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil em Mato Grosso do Sul). A primeira decisão do TJ de derrubar a lei n° 3.886 foi divulgada em 21 de outubro e passa valer a partir de agora.
A Lei da Pesca regularizava a pesca e liberava a utilização de apetrechos no Estado, como joão-bobo e boia com anzol. Segundo a OAB/MS, a legislação estabelece padrões prejudiciais à preservação de recursos pesqueiros e ofensivos aos princípios do direito ambiental.
A Ordem ainda pediu que a inconstitucionalidade da norma tenha efeito válido para todos e retroativo a edição da lei. Na ADI afirma que a lei estadual confronta a lei federal e a preservação do meio ambiente saudável. No art. 8ª da lei, que regula o uso dos apetrechos autorizados pela norma, foi incluído os petrechos joão-bobo ou boia com um anzol, boia fixa ou cavalinho e anzol de galho.
O acórdão, que determina que a decisão judicial está valendo, foi publicado no dia 20 de novembro. O desembargador Sideni Soncini se baseou na manifestação técnica do Instituto Pantanal de Proteção à Natureza e da Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária), que concluiu “pelas características operacionais, pelo uso indiscriminado em estações e ambientes protegidos, pela baixa eletividade de captura, pelo seu impacto na captura incidental de aves e répteis e de sua interação com répteis e mamíferos, o anzol-de-galho é um equipamento predatório. O único modo eficaz de evitar a captura incidental na pesca é suspender o uso deste equipamento particularmente prejudicial ao equilíbrio das populações naturais”.
No voto, Sideni reconhece a inconstitucionalidade material da lei estadual da pesca como um todo. “A bem da verdade, as inovações trazidas pela Lei Estadual 3.886/2010 promoveram uma alteração da política ambiental, ampliando as hipóteses de captura de pescado, o que contraria as normas constitucionais de proteção ao meio ambiente, insculpidas no art. 222, da Constituição Estadual”.

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Secretário de Infraestrutura vai estar hoje no Noticidade

Gérson Melo vai falar sobre a infraestrutura da cidade


André Navarro - O secretário de Infraestrutura do município de Corumbá, Gérson da Costa Melo, vai estar hoje no Noticidade, programa jornalístico veiculado pela FM Cidade - 88,5 de meio dia a uma hora da tarde. Ele recebeu a equipe em seu gabinete e adiantou alguns pontos da entrevista onde vai falar a respeito da malha viária da cidade, desenvolvimento de obras e a revitalização do portal de entrada do município. 

Gérson disse que uma nova empresa foi contratada, depois de processo licitatório, para cuidar da pavimentação. Segundo ele a primeira providência vem sendo tapar os buracos existentes com material usinado a quente e, posteriormente, haverá um recapeamento de ruas mais críticas. 

Já com relação ao portal, o secretário adiantou que está sendo necessário fazer desapropriações para garantir o desenvolvimento do projeto e, isso, estaria emperrando o início das obras. 

Todos os detalhes você vai ouvir hoje, a partir de meio dia na FM Cidade que também pode ser sintonizada pela internet no endereço eletrônico: www.fmcidade88.com.br



segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Secretário de Infraestrutura fala hoje no Noticidade

Entre outros assuntos, Gérson Melo vai ser perguntado sobre os buracos


                                                               Foto: Mylena de Luca
Asfalto, lajotas ou paralelepípedos - os buracos se multiplicam

O secretário de Infraestrutura de Corumbá, Gerson da Costa Melo será o entrevistado desta segunda feira do programa Noticidade, na FM Cidade - 88,5. Ele vai falar sobre as obras que vêm sendo desenvolvidas na cidade, a respeito das que estão paralisadas e, principalmente sobre os buracos que estão tirando a calma e a paciência de motoristas e motociclistas. Recentemente o prefeito Paulo Duarte prometeu um recapeamento asfáltico da malha viária do município que começou pelo portal de entrada que seria revitalizado. O Noticidade começa ao meio dia. Além de sintonizar em seu rádio na frequência 88,5, você também pode ouvir pela internet no www.fmcidade88.com.br

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Ônibus novo quebra em trajeto e passageiros têm que descer

Menos de 30 dias em operação e empresa já enfrenta problemas



                                                           Fotos: André Navarro
Passageiros precisaram descer do veículo e aguardar

André Navarro - Um ônibus da empresa Cidade de Corumbá que não tem 30 dias operando na cidade quebrou hoje por volta da uma hora da tarde na rua Corumbá, no bairro Dom Bosco, próximo à Prefeitura Municipal. Os passageiros foram obrigados a descer do veículos e aguardar. Segundo o motorista houve um super aquecimento do motor, o que o obrigou a desligar o veículo e reabastecer o radiador.
Esta não teria sido a primeira quebra dos carros da Viação Cidade de Corumbá. Há relatos de passageiros de que outros dois teriam apresentado defeito no terminal da rua Antônio Maria, no centro da cidade, mas a informação não foi confirmada.
A nova empresa venceu a licitação e passou a operar no lugar da Viação Canarinho, que dominou o mercado por 30 anos. Havia muitas quebras, atraso e riscos aos passageiros, por isso o prefeito Paulo Duarte (PT), decretou intervenção na Canarinho e abriu nova licitação.
Super aquecimento do motor teria sido causa da quebra


Rios voltam a subir na região pantaneira

                                                                        Foto: José Luiz

André Navarro - Produtores rurais do Pantanal estão preocupados com a situação dos rios na região mais inundável do planeta. É que a bacia nem terminou de vazar ainda e as chuvas dos últimos dias já causaram a elevação dos níveis em algumas réguas de medição da Marinha. 
Um bom exemplo é a régua de Ladário que fica no complexo do sexto distrito naval. Nesta época do ano, o normal seria que ela estivesse por volta de um metro, mas a altura hoje é de 2 metros e 58 centímetros, 5 centímetros a mais do que ontem. 
O presidente do Sindicato Rural de Corumbá, Luciano Leite, disse que, se realmente o rio Paraguai voltar a subir antes da vazante, os pecuaristas terão prejuízos. É que as pastagens nativas não poderão ser utilizadas. 
Um ponto de medição que serve como parâmetro para a cheia da bacia é Bela Vista do Norte na divisa com o Mato Grosso. Lá o rio Paraguai subiu de ontem para hoje 2 centímetros, ficando em 3 metros e 52 centímetros. 
Ainda não se pode considerar que o Pantanal deu início ao período de cheia, mas são as chuvas que ocorrem na região no final do ano que normalmente determinam o alagamento da planície. 
Pantaneiro é acostumado com este ciclo, quando enche o gado é levado para regiões mais altas e, quando seca, o que não aconteceu ainda este ano por completo, os rebanhos são trazidos de volta para as pastagens nativas que rebrotam com muito mais nutrientes.

Chamada do Programa Vivendo a Vida

Assista à chamada do Vivendo a Vida do próximo domingo. Fizemos um passeio contemplativo, um verdadeiro cruzeiro pelo Pantanal. Vai ser lindo demais. 


quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Caminhonete bate em três carros no centro da cidade

Com a força do impacto veículos foram arremessados para a calçada




André Navarro - O acidente foi foi por volta das nove e meia da manhã na rua 13 de junho entre as ruas 15 de novembro e Frei Mariano. A Mitsubishi Pajero, placas NLA 5180, de Campo Grande, rodou no paralelepípedo molhado e atingiu um Pálio, um Voyage e um Siena. Os três carros estavam estacionados e acabaram sobre a calçada do lado esquerdo da via. "Arranquei do sinaleiro, vi quando um carro ia saindo de ré da garagem, tentei desviar e vi que vinha outro carro. Quando voltei, o carro escorregou no paralelepípedo e rodou. Estava no finalzinho da chuva e estava tudo molhado", disse a bancária Evelize Maria Martins, motorista da Pajero. Não havia ninguém dentro dos carros que  estava estacionados e nem na calçada, com isso, não houve feridos no acidente. 
Evelize acionou o seguro que dever arcar com as despesas de conserto de todos os carros atingidos. O que mais demorou foi a chegada da perícia judicial para liberar os veículos. Os proprietários devem ficar alguns dias à pé. "No mínimo uns três dias, mas graças a Deus, ninguém se machucou, foram apenas danos materiais", disse a arquiteta Aparecida Romão, proprietária do Voyage.